segunda-feira, 16 de junho de 2008

Cordelinhos





Futebol. Pizza. Exposições de Arte Contemporânea. Turismo. Almoçaradas. Discotecas. E no meio de tantas emoções urbanas, algum trabalho. Mas o que mais marcou os dias de Dakar foi o 10 de Junho, dia de Portugal e Camões.

Começou com a gincana do Centro de Lingua Portuguesa da Universidade de Dakar – uma das etapas era em casa do Embaixador de Portugal, onde os alunos tinham de preencher alguns dados acerca da bandeira nacional. Poucos minutos à conversa (em Português!) com estes jovens Senegaleses, e fomos nós os primeiros a aprender alguma coisa sobre a bandeira. Alguém por acaso sabe quantos besantes tem? Ou melhor ainda: o que são besantes?




Acompanhámos os estudantes até à Universidade, assistimos a peças de teatro na língua de Camões, trocámos ideias e endereços de email – e voltámos para a Embaixada de peito cheio, a cantarolar o hino.

Ao fim da tarde, a recepção: ministros, corpo diplomático, gente influente – e giríssima! A nata, pois claro. So faltava a tia Lilo. E no meio desta paisagem cintilante: nós. Os dois malucos que vieram de bicicleta de Lisboa – dizia o Sr. Embaixador quando nos apresentava a alguém. Será que vão reparar que temos as calças meio a desfarelar?

A recepção na residência do Embaixador de Portugal em Dakar foi mais uma agradável surpresa nesta viagem:

1.
Conhecemos os editores do jornal Le Soleil, um dos principais diários do Senegal – que nos desafiaram para uma entrevista. E na manhã seguinte, ainda a recuperar de uma longa peregrinação pela noite de Dakar, eis-nos a pedalar suados pelo trânsito, ultrapassando mini-autocarros mega-lotados, desviando deste buraco e daquele peão... o que as pessoas fazem para aparecer! ;)

2.
Também fomos “picados” pela TAP. Foi um daqueles momentos de alguma tensão emocional: recusar a oferta de voltar para Lisboa de avião, por muito convictos que estejamos em fazer o caminho de volta por nós próprios... deixa sempre na boca um travozinho...

3.
Outro contacto muito valioso foi o sr. Mohammed Khaled, um mauritano que é administrador da ICAR – uma empresa da área da engenharia que trabalha com portugueses na Mauritânia – e que ficou muito entusiasmado com o nosso projecto. Tão entusiasmado que pôs logo os seus contactos a funcionar, e em poucos minutos tinha passado ao estatuto de anjo da guarda / patrocinador da nossa passagem pelo “país de um milhão de poetas”.

4.
Também foi nesta noite que o destino das bikes levou uma reviravolta. Era suposto irmos com elas para Saint Louis, onde iam ser compradas pelo nosso amigo Sada, o sobrinho da dona do Cafe des Arts. As “nossas meninas” iam passar a ser alugadas aos hóspedes desta pensão – e como dizia ontem uma americana: por muito que possa soar a isso, não tem nada a ver com prostituição. Mas na recepção do 10 de Junho, a estrela voltou a brilhar, e desta vez com um brilho bem lusitano – encontrámos o final perfeito para a Mikelina e a Penélope.

5.
O Jorge ainda encontrou uma prima. O que não surpreendeu minimamente o Carlos – que, aliás, já estranhava o facto de ainda não nos termos cruzado com nenhum dos 328 primos.

6.
Foi também na recepção que conhecemos seis simpáticas enfermeiras canadianas, com quem fomos explorar a mui-famosa noite de Dakar, depois de quase-quatro meses em jejum, no que diz respeito a saídas.

21 comentários:

Troca Letras disse...

Grandes novidades
Estou á espera de saber o que vai acontecer as bicicletas
E não faço a mínima, o que são besantes

Kikas disse...

Mas que agradável surpresa, uns diazitos de Jet Set para compensar os meses que passaram! O que é absolutamente extraordinário é que a generosidade parece desconhecer fronteiras culturais, sociais,económicas, linguisticas ou outras quaisquer. Vocês têm demonstrado que, no fundo, os seres humanos partilham a mesma essência e isso tem sido o mais fantástico da vossa viagem. Parabéns!

Mariana disse...

Lindo!! Tinham de ter essa recepção, para compensar os milhares de quilómetros "pedalados"!!!!
Muitos parabéns!! Confesso que ao longo destes meses, em que segui atentamente o vosso percurso, nunca pensei que conseguissem chegar ao fim. Não por falta de persistência vossa, mas por falta de meios!
E agora, como é a volta??
Ah, e eu sei o que são besantes! Apesar de não saber qual o seu significado na bandeira!!!!! Se não estou em erro, são as 5 bolinhas brancas que estão dentro de cada escudete azul. Portanto, são 25, acho eu!!

Bom regresso, até breve!!

Rosa Afonso disse...

Enah! Enah! E não é que conseguiram? Boa! Agora para cima é que há menos santos a ajudar...mas sempre têm a estrelinha. Então e qual vai ser a editora que vai publicar a aventura? Ou vão deixá-las degladiar-se entre si? ;-)
Quanto aos besantes (não sei se te vou envergonhar, Jorge...) acho que significam as 30 moedas por que Judas vendeu Cristo se contarmos 2 vezes os 5 da quina central. É isso?
Beijos e bom regresso!

LR disse...

Muitos parabéns pela "louca" aventura!
À semelhança de outros cibernautas, não podia deixar de dar o meu (pequeno) contributo (post em blog) para a divulgação da iniciativa.
Continuem a desafiar orçamentos! "A necessidade aguça o engenho"
bikestrilhosetralhos.blogspot.com
LR

Anónimo disse...

Recebidos pela Embaixada!!!!!!Nao seria de esperar outra coisa!Pois
merecem isto e muito mais!Espero que quando cheguem a "nossa terra",
mostrem os frutos da vossa experiencia e ousadia!Pois esta tudo avido para receber mais algo vosso!

...O meu pai era decorador, e decorou a Embaixada a muitos anos do Senegal...
Sempre desde que me lembro tinha em casa um livro do Senegal em que o desfolhava bastantes vezes!!!!


Muito orgulho em voces
madrinha

...para mim o destino das "meninas" vao ser alvo de surpresa...

tenente reformado disse...

Rapazes!
Belo final.
Cansados e empoeirados,chegam a Dakar, caem na Embaixada de Portugal no Senegal e aí comemoram o dia de Portugal, no meio da flor e nata.
Vocês merecem isto e muito mais, não só pelo talento mas pela simplicidade que não me tenho cansado de vos louvar.
Foi bonito,foi justo e como dizia o Dâmaso dos Maias " Chic a valer".
Abraços, meus bravos!

Anónimo disse...

Caros viajantes,

Gente com o vosso Mundo não tem fronteiras, são cidadãos do Mundo. E, com a vossa coragem e determinação, não é a escassez de meios que impede os vossos propósitos. A recusa do convite da TAP evidencia-o.

Conclui-se pelo que dizem sobre o patrocínio do Sr. Mohammed Khaled, que a vossa aventura vai continuar. Julgo que, como eu, todos estamos suspensos do que irão ainda fazer.

Se o cacau faltar, não se esqueçam que há uma vaquinha, também suspensa. Não nos privem já das vossas aventuras.

maria crítica

PS- O besante é uma moeda antiga bizantina, mas o seu significado sem marca, nos brasões e na nossa bandeira, também não sei qual é. Peço aos viajantes que me cultivem.

Anónimo disse...

Tradicionalmente o significado heráldico dos "besantes ou dinheiros" que estão dentro de cada escudete era o do resgate pago pela libertação do cavaleiro que os ostentava no seu escudo.
O numero de escudetes e besantes variou ao longo da Hitória até que no reinado de D. Sebastião se fixou em cinco escudetes com 5 besantes cada o que ainda hoje se mantem.

Anónimo disse...

epá fico mt feliz por tudo estar a correr 5estrelas!!!! eu tambem quero essa estrelinha pa mim :)
Parabens pelos homens que são!!! Sem duvida, e mais uma vez vos digo. Nao pode ficar por aki...todo o povo portugues tem de saber dessa vossa aventura. Eu nao paro de falar de voces a quem conheço... Parabens!
E muita força aí....

Abraço,
OMO_MAKINA ...

Mafalda disse...

Oh "Ginho" estás tão lindo!!! Como não era de estranhar tinham de ir parar a casa de um Embaixador!!
Muitos parabéns aos dois!
Ass: 1 dos 328 primos do Jorge
Mafalda

Anónimo disse...

Que espéctaculo ....!!!
Bom regresso.
007 (mais um dos 328 primos....)

Anónimo disse...

Agradeço o superior ensinamento sobre o significado heráldico dos besantes.

maria crítica

Infinite Seeker disse...

é pá brutal!!!!
Adorei viver um pouco das vossas aventuras! O que eu me fartei de rir e vibrar!
Voçes são uma inspiração!
Abraço
Infinite Seeker

ze maria disse...

alô!

parabéns pela chegada a dakar!

abraços e espero q tenham apanhado uma bela besante na embaixada portuguesa!! ;) imagino q já fosse merecida!

zm

Marta Cidraes disse...

vocês são decididamente os heróis portugueses de serviço! daqui prá frente tão bem tramados quais dom sebastião de trazer por casa!
mas agora é altura de parabéns enormes aos 4! onde ficam as meninas?? solitas? voltam com a prima do jorge?? não explicam... agora voltem mas é que o pessoal já vai tendo saudades:) com muitas histórias ao vivo e a cores! e explicar o milagre da multiplicação dos 850 euricos em 4 meses... se assim for vão mesmo pra ministros das finanças. beijos

Anónimo disse...

PARABÉNS. O SONHO COMANDA A VIDA.
Mas também sabe bem vê-los lavadinhos.
Continuam bonitos.
Beijinhos
Tia M
1 mãe de 3 dos 328 primos do Jorge

Anónimo disse...

Mais uma vez estão de parabéns.
Muitos beijinhos
Tia Guida
( mãe de 4 dos 328 primos do Jorge)

Anónimo disse...

O Jorge tu tens alguma Tia que conhecas chamada Ninita?Tem 6 filhos e um deles e jornalista
(Pedro Vassalo Santos).Ela e das grandes amigas da minha mae!


madrinha

Anónimo disse...

muito surporeendente seu blog - sou um visitante nato - meus parabens

Rebeca disse...

Alo!!!Bem que granda coincidência Jorginho!!Gostei de te ver primo!!!A minha aventura por aqui continua...Ate logoBjs tb ao Carlos