domingo, 16 de março de 2008

#03 - Andaluzia


Estamos no parque de campismo mais a sul da Europa! Daqui só há um caminho... para o ferry!

Mas enquanto não damos mais notícias, já de Marrocos, fica o video desta semana, que tanto ou tão pouco trabalho nos deu que, segundo uma senhora aqui do camping, já saía fumo das nossas cabeças.

Temos de fazer uma homenagem muito especial à Astrid e ao Ricky... havia tanta coisa para pôr no vídeo que não foi possível dar-lhes o merecido destaque. Mereciam uma longa-metragem! Seja pela ajuda que nos deram, como pela quantidade de material que temos com eles.

A Astrid nasceu na Porto Rico, cresceu em Madrid, estudou nos EUA e trabalhou em Madagáscar, antes de se fixar em Doñana para salvar o lince ibérico da extinção. O Ricky, americano, além de artista é um verdadeiro MacGiver. Fez uma Volta ao Mundo de bicicleta e desceu o rio Niger, durante 4 meses, de canoa! Quem disse que de Espanha não vêm bons casamentos?

A nossa tarde em El Rocio vai ter de ficar para outro video, também merece destaque. E quanto à sequência final do vídeo... não há palavras!

43 comentários:

Anónimo disse...

Que saudades, até parece que estavam na nossa Praia Grande !!!!!
Mts bjs

Anónimo disse...

Amigos parabéns !
Agora é que se pode dizer mesmo... que graaaaande pedaladaaaa dos pés à cabeça.
Bjs Luna e as amigas

Anónimo disse...

Excelente vídeo. Mostra bem o que é viajar. A paisagem humana é mais bela que a geográfica. Os excursionistas e os seus pacotes que aprendam.
Espero com ânsia a nova fase da vossa viagem: África minha.
maria crítica

jorge pandeirada disse...

Olá amigos; isto não são vídeos, são autênticos documentários. Parabéns.

Lancei hoje um passatempo no meu blogue que irá abranger também a vossa viagem e este passatempo dá pelo nome o visitante 1550. Aqui deixo uma vez mais o meu endereço para os interessados. Um abraço.

www.voltaaodiaem24horas.blogspot.com

Anónimo disse...

Espectacular!!!!!!!!Os meninos estao realmente de Parabens,
de Todos os vossos filmes e comentarios.O carlos a falar e de 5estrelas e vossa forca para enfrentar a pedal e de 10.
Tudo isto junto, faz voces serem o fim da picada!!!!!!!

Diogo disse...

Ficámos todos muito mais descansados cá em casa, quando soubémos que tinham ficado no hotel decorado pela Tia Liló...
Diogo Mano

Anónimo disse...

Espectáculo!!! Apetece-me pegar numa bicicleta e ir ter com voces. O video está como sempre o máximo! (viva Maya Andrade). Continuem a fazer os videos e escrever que assim posso sempre viajar um Pouquinho. Força e continuem a pedalar!

Bjs para os 2 e as meninas biclas.

Sara Janic

Bárbara Sá disse...

Fantástico :) não sabia que um ténis salomon podia armazenar tanta areia! Voçes estão cada vez mais "prós"...já param no meio do caminho para "ornamentar" os vídeos...a seta ficou mesmo perfeitinha!
Bjns, força e continuem assim...já é um hábito ir ao vosso blog todos os dias.
Olhem lá, e para quem é que eu mando o vídeo??? (o do concurso das bikes...ai desculpem, das vossas meninas)

Kikas disse...

O video está giríssimo, com muito salero! E desta vez parece que o vosso texto passou no teste do heterónimo fuleiro da Edite Estrela (pelo menos ainda não vimos nenhum comentário da nossa "palmatória")e ainda ousaram usar 1 palavra difícil com um acento circunflexo! Beijinhos!

Anónimo disse...

Só tenho uma palavra para este video: Espectacular!
Beijo, Patrícia R.

Anónimo disse...

Para a Kikas com hu(a)mor:

A Palmatória tem nome próprio que de heterónimo nada tem. Não é pura, nem purista, nem linguísta, é jurista no tempo que lhe sobra para trabalhar. Tem vícios muitos (thank God!)e virtudes (algumas). Toca piano, fala francês (e outras), gosta de chuva e de Jameson com muito gelo... e gosta da Língua Portuguesa.
Acabo de me revelar, para eles.

Já agora corrige lá fuleiro para foleiro (versão correcta) e manda sempre.
ps: quando eles acharem que estou a mais mandam-me borda fora.
A última palavra é deles, chérie.

Anónimo disse...

Olá palmatória
Acho muito bem que continues as tuas críticas mas deverias também melhorar a tua maneira de escrever.
Em vez de thank God ficava lá muito melhor graças a deus e chérie para quê?
Se gostas da lingua Portuguesa não uses tantos estrangeirismos inuteis.Al

Anónimo disse...

É uma crítica válida e oportuna que me dá a mim também uma nova oportunidade para regressar.
Como disse lá atrás, gosto da Língua Portuguesa mas não posso evitar dominar outras, sou bastante eclética no que respeita a "línguas". Repara que quanto a maneira de escrever não meti a colherada, melhor diria, a palmatória. Nessa mui nova e válida maneira de expressão que tranforma "que" em "k", v.g. (isto é latim e utiliza-se em português também para significar por exemplo), tudo isso não me incomoda. Pensa nisto, se vir e estar aqui fosse apenas dizer-lhes boa pedalada, bom vídeo... usw (isto é abreviatura em alemão para etc.)provavelmente muito em breve isto se transformaria numa monotonia... Vamos (?) passar aqui algum tempo podemos transformá-lo em algo mais, ou não?
Obrigada pela crítica assertiva mas recordo uma vez mais que não sou purista e reservo-me o direito de, de quando em quando, resvalar para outras línguas e até outros dialectos.
Partirei quando me sentir incómoda para o Carlos e para o Jorge, até lá... e enquanto me apetecer, fico.

ps: penso que este terá sido o primeiro bilateral o que também me parece positivo em termos de comunicação?!

Ass: palmatória

Anónimo disse...

adenda ao comentário anterior:

comentei no que respeita ao teu comentário "estrangeirismos inúteis" mas esqueci-me de comentar o "chérie para quê?".

Assinalo que comecei o comentário com "hu(a)mor" e que terminei com "chérie" que me parece, de longe, muito mais carinhoso do que "heterónimo fuleiro de Edite Estrela", não concordas?
É que eu até podia deixar passar o fuleiro mas "heterónimo e Edite Estrela" era dose dupla que não podia encaixar sem resposta.

Palmatória.

Anónimo disse...

Concordo contigo na medida em que este blog não deve existir só para tecer amplos elogios ao espirito de aventura e criatividade do Carlos e do Jorge. Mas, se como dizes queres transformá-lo em algo mais, explica mais o quê?
Melhorar o Português ? Para isso tens que largar o teu ecletismo linguístico e ser mesmo purista senão ninguém consegue perceber o que pretendes nem o que estás a tentar melhorar.AL
Para mim acho que heterónimo de Edite Estrela não é nenhuma ofensa antes pelo contrário.
Essa senhora tinha há muitos anos um programa na televisão muito apreciado sobre língua Portuguesa da qual é muito sabedora.

Anónimo disse...

Só mais uma coisa.
Chérie para quê ? Pela mesma razão, se querias ter uma palavra carinhosa há muitas em Português.AL

Kikas disse...

Olá "chère" Palmatória! É bom ver que és humana e que escreves tão bem ou mal como o comum dos mortais, de facto é bem mais fácil andar à procura dos erros dos outros do não cometer nenhum. Pois é, quandos escreves "quanto a maneira" isto não faz sentido, mas se escrevesses "quanto à maneira" ficaria melhor. Isto para não mencionar outras frases, porque para andar à cata (aqui também leva acento) de erros e frases menos bem escritas temos-te a ti! Depois do teu texto médio gosto muito mais do teu personagem!! Quanto a línguas, também falo algumas mas o meu cérebro estruturado não as mistura...
Um abraço!

Anónimo disse...

Estou muito mas muito feliz por vocês e a adorar a vossa aventura!

Beijinhos,
Lu

Anónimo disse...

Bem, já li mas não reli (nunca o faço).
Se estivesses mais atenta e menos "picada" terias atentado ao facto de eu deixar passar, ou, ao invés, de assinalar os lapsos, como meros lapsos e disso se tratou quanto à falta de acentuação do "à" de "a assinalar".

Não quero transformar "isto" numa troca estéril (e agora sim com toda a propriedade), estéril, (sublinhado e a bold) de galhardetes por isso estou a ponderar a minha saída neste "formato" que pelos vistos começa a causar incómodos vários.

Já agora,personagem é do género feminino e não masculino. Registo portanto que aprecies "a" personagem.
E quanto a assinalar outros erros fica a referência de que não se coloca vírgula entre sujeito e predicado.
Como tenho muito que fazer e devo ao Carlos e ao Jorge alguns dos melhores momentos da minha existência que se materializam aqui não vou continuar em "bilaterais". Quanto a continuar ou não como Palmatória fá-lo-ei para erros crassos e devo esclarecer que o propósito era (modéstia não é o meu forte de facto)de procurar uma certa elevação por assim dizer, intelectual do blogue que se andava a deteriorar. Por isso só entrei numa determinada fase, já avançada deste desafio. Acrescento que já aqui estive com outras identidades e não é por receio de me identificar porque eu sou do género "pegas de caras" e tenciono regressar com essas ou outras.
Perdão ao Carlos e ao Jorge.

Um beijo da palmatória.

Anónimo disse...

Força pessoal! Video fantástico! Quando é que publicam os outros?

Kikas disse...

Eu já vivo dentro do acordo ortográfico! É que como sou muito "eclética" em relação aos países onde já vivi, e como vivi muitos anos no Brasil, neste país de língua portuguesa "personagem" pode ser utilizado nos 2 géneros. Como falas tantas línguas e como disseste que não eras purista e como tens ar de ver novelas, pensei que estivesses a par destas riquezas da nossa língua.

Abraço!

Anónimo disse...

Eu falo algumas línguas de facto mas quanto ao acordo ortográfico e para fim de conversa vou-te falar mesmo em português vernáculo e só por meias-palavras. Limpo o -- (acentuada a última letra com acento agudo) ao acordo ortográfico. Até porque nasci em África e a M---- do acordo ortográfico não leva em linha de conta nenhum dos PALOP.
Tenho o privilègio de, na União Europeia, negociar a 27 e nunca esquecer a minha identidade.
Quanto a novelas minha querida já alimentei a tua tempo demais.
Fica um adeus à Kikas e um último
ps: a propósito de acordo ortográfico, se tiveres tempo recupera o artigo do Vasco Graça Moura no DN de 4.ª última que modestamente subscrevo na íntegra.

e ainda mais ps: peço desculpa aos ilustres companheiros deste blogue, com especial destaque para aqueles a quem assinalado o erro (que eu também os cometo e agradeço muito que mos assinalem, incluindo as vírgulas que faltaram no meu último post),o encaixaram com galhardia e desportivismo.

Ass: Palmatória

Anónimo disse...

Queria primeiro de tudo cumprimentar os rapazes pelo belo vídeo que nos proporcionaram com um rapaz da minha idade a cantar tão afinado.
A seguir gostava de ver se percebo aquela que suponho dra advogada palmatoria, que estou a ficar baralhado.
Eu realmente tenho poucos estudos´, mas desde que estou há uns anos reformado tenho lido e
aprendido muito.
Então a dra quer elevar o nível intelectual do blog apontando os lapsos com outros lapsos ?
A dra não quer nada disto, quer é entreter-se com jogos que só a sra percebe e gozar aqui com o pessoal.
E agora diz que sai toda ofendida?
Pode sair e voltar a entrar porque isto é livre mas olhe veja se arranja outro nome porque eu cá já levei muito com a palmatória quando andava na escola que a minha professora era muito mázinha.
O tenente reformado

Anónimo disse...

Bom palmatória tu estás é completamente descompensada e a baixar o nível do blogue de uma maneira assustadora.
Assim não vale A.L.

Anónimo disse...

O vídeo está muito bom!!
Estão quase a chegar a África...Também queroooooooo!!
Força rapazes! Continuem que nós estamos cá para vos continuar a ver!
Bjs
Andreia F.

Anónimo disse...

Olá meu caro tenente reformado,
Se alguém (para além dos nossos ciclistas) me merece o tempo perdido/ganho nas escapadinhas aqui dadas num tempo com muito pouco tempo, é o Senhor Tenente!
Esclareço que eu não "saí" e muito menos ofendida. Limitei-me a dizer adeus a um "bilateral" que se arriscava a reduzir o mapa-mundo a um Portugal/Brasil e eu odeio clivagens.
Mas confesso que aguardava, impaciente, o nosso bilateral. Meu caro tenente, elevar o nível intelectual do blogue é de facto uma expressão um pouco "forte" mas os lapsos assinalei-os como lapsos e os erros como erros e até esta manhã haviam sido apenas 3 se não me falha a memória.
Parabéns pela perspicácia quanto aos "jogos" aí dou a mão à palmatória! Touchée! (perdão aos puristas mas não encontro expressão que sintetize melhor a sensação).
Jogos precisamente, de palavras e de sensações... é disso que se trata que eu cá, prefiro morrer na arena de uma estocada só sob o sol abrasador de Agosto, que pode até ser Março, do que em agonia lenta (fica o parêntesis, não sou adepta de touradas mas adoro uma bela "pega de caras").
Só lamento o seu "sra dra advogada" (doeu!); por circunstâncias várias não me identiquei com as idiossincrasias da teia da justiça (com "j" minúsculo e "tranquei a inscrição na Ordem já lá vão uns belos anitos). Sou jurista para viver e fazer viver...

Atenciosamente agraciada,

ass: a "5 olhinhos" - para olhinhos atrevidos e atentos

Anónimo disse...

Vá lá agora já mudou para 5 olhinhos, mas olhe que a palmatória da minha professora era uma "menina de 5 olhos ".
Se há coisa a que um homem não resiste é a um elogio bem dado quanto mais um velhote como eu.
Faço as pazes consigo.
Aquele abraço (tão sincero como o do vídeo do Rocio que os rapazes tão bem fimaram ) -Tenente reformado

Anónimo disse...

vamos deixar as merdas da escrita assim e assado, e vamos ao que interessa.Aonde estarao os nossos
meninos???????

Anónimo disse...

Acredite que o aceito enternecida e retribuo com redobrado vigor. É que eu ando mesmo "precisada" dum abraço, é que para além do mais... hoje tem sido cá um bota-abaixo!
Com a menina dos 5 olhinhos apanhei uma única e imerecida vez mas tinha uma profunda repulsa pela professora Joaninha que a usava nos menino(a)s de mãos sapudas...
e tenho uma história sobre isto quem sabe um dia lha ofereço.

Até breve.

a "5 olhinhos".

EdMan disse...

Olá a todos!

Os vossos comentários têm sido o melhor feedback que podemos receber. Verdadeiramente uma fonte inesgotável de forças para os nossos heróis, da qual retiram toda a energia necessária para cada pedalada!

Contudo alguns comentários fogem ao tópico principal de cada post, sendo por vezes menos agradáveis de ler. Principalmente a pessoas alheias aos assuntos paralelos.

Até à data nenhum comentário foi por nós censurado, ou apagado. Não o pretendemos fazer e seria de todo nosso agrado que o status quo assim se mantivesse.

A minha participação tem sido sempre backstage, a fazer as coisas que faço, e assim gostaria de continuar com muito muito gosto. Só pretendo intervir desta forma quando realmente se torna necessário e infelizmente senti um pouco isso ao ler os comentários de hoje.

Para além das minhas skills tecnológicas devo dizer que tenho uma formação académica que inclui latim, inglês, francês, alemão, português (claro está) e um ano na faculdade de letras do Porto em linguas e literaturas modernas...

E volta meia volta dou erros ortográficos... é uma chatice... :)

Se quiserem discutir assuntos paralelos, apesar do blog não existir para esse fim, temos também aberto um fórum, onde ainda hoje será disponibilizada uma secção off-topic. Desta forma podemos desimpedir este canal de comunicação para o assunto do post.

Se pretenderem podem nos vossos comentários redireccionar os assuntos paralelos para o fórum, mas agradecíamos que não o fizessem nesta área.

Se tiverem sugestões de alternativas, não hesitem em comunicar para o nosso e-mail.

Ah é verdade! Por vezes troco os Vs por Bs e em vez de "o quê?" digo "o quiê?" hehehe :D

Ao jorge pandeirada, um muito obrigado pelo apoio e pela criação de um passatempo, que veio a coincidir com o lançamento do nosso passatempo também. Muito melhor, assim são dois, multiplicam-se as oportunidades de ganhar!!!

Agora podemos voltar ao assunto deste post :)

Ui, ui! Se acham que este video está giro, esperem só para ver as surpresas que estamos a fazer para esta semana !!!

:D :D :D

Anónimo disse...

Já agora por curiosidade eu que tenho andado meio arredado disto e já me fartei de rir. As outras línguas aprendeste-as em que Faculdade? É que um ano de línguas e literaturas modernas a mim não me convencem! Ela até tinha piada e isto sem ela fica do género "olá cá estou eu... o brise contínuo...". vais suprimir este? Já agora podias disponibilizar um manual do utilizador?
E eu hoje estiva só na bancada mas diverti-me à farta!

Anónimo disse...

hJá agora por curiosidade eu que tenho andado meio arredado disto e já me fartei de rir. As outras línguas aprendeste-as em que Faculdade? É que um ano de línguas e literaturas modernas a mim não me convencem! Ela até tinha piada e isto sem ela fica do género "olá cá estou eu... o brise contínuo...". vais suprimir este? Já agora podias disponibilizar um manual do utilizador?
E eu hoje estiva só na bancada mas diverti-me à farta!

Anónimo disse...

Assim é que é Edman, manda-os calar, se querem discutir assuntos que não dizem respeito a mais ninguém, talvez seja melhor trocarem os números de telefone e falarem em privado.
Picam-se por tudo e por nada... sabiam que há uma maneira de resolver os vosso problema???
Agora bazem e deixem curtir a viagem do Jorge e do Carlos que é para isso que aqui vimos todos os dias.

Anónimo disse...

Óla!
Adurei os vidios, estam om espetacolu.
Nan perssebo purque hé que 2 delez só estam no Sapo e nao no Blogue.
Deve tere duidu o que pagarão no barcu para marrocus! é carisimo.
qeremus saber comu esta a çer a mudanssa para outraz coltoras tam diferemtes.

Beijinhos
Mariana
Quero ver como é que a palmatória dos 5 olhos vai solucionar este problema!
Um abraço

Anónimo disse...

Olá rapazes,
Agora a sério, que bom que já chegaram a África.
Agora é que a aventura vai começar. Já não se fala a língua, não se paga na mesma moeda e as estradas não têm sinais. Cuidado com aquelas que têm 3 faixas e que a do meio é 'terra de ninguém'.
Beijinhos e cuidem das vossas meninas.
Mariana
PS: No próximo fim de semana de 3 dias vai haver passeio na Costa Vicentida com uma bicla de 10 anos. Isto está-se a pegar!

Anónimo disse...

Não se consegue ver os filmes que estão no Sapo e que não estão no Blog. Diz que não temos autorização para visualizar.
Vejam lá se solucionam isto porque estão um espectáculo. Ontem conseguia-se ver

EdMan disse...

Hehehe!

Eu não posso perder muito tempo aqui quando temos coisas tão interessantes para acabar e vos mostrar :D

De qualquer das formas já cumpri com o que disse e já temos um espaço disponivel para não "impedir" o blog de prosseguir na viagem!

Link para o forum

Mariana, éz um ixpétáculu!

Está prestes a sair um post fresquinho!!! :D

vera disse...

Estou lavada em lágrimas...

Anónimo disse...

Da Palmatória para a Mariana (quase em lágrimas, a Palmatória):
"Ce ne sont pas seulement les liens du sang qui forment la parenté, mais ceux du coeur et de l'intelligence" em francês arcaico de Montesquieu.
Diria agora "AL" descompensaste de vez oh palmatória! com "p" minúsculo.
Não Mariana, era disto que eu falava com a Kikas (a quem estendo a mão entes de passarmos ao dia seguinte) era precisamente disto, de parentalidade neste blog (passo o anglicismo). Já puseram nessas cabecinhas pensadoras que para qualquer um dos dois eu posso não seu apenas uma "arrivée?"? Voltando à Mariana, esta citação recupero-a de um livro do José Mauro de Vasconcelos (para qem não conhece foi o tal que escreveu como a Mariana escreveu para "mim" há pouco, o tal que escreveu "O meu pé de laranja lima" e escreveu outros tantos na tal língua materna - acordada ortograficamente a semana passada - e está inscrito no início de um livro que muito amo com o título "Vamos aquecer o sol".
Escreveste lindo Mariana, escreveste na parentalidade que não conhece fronteiras, a tal língua do coração, como no Petit Prince (perdão) deveria ter escrito, o Principezinho, d' Éxupèry.
Transportaste-me ao "Rosinha minha canoa" também do José Mauro de Vasconcelos numa linguagem quase integral, quase ininteligível para quem não sabe ler, com o coração.
Assim proponho o seguinte, uma partida de sueca entre "palmatória, AL, Kikas e tenente reformado" e que vença o melhor. Para aqueles que chegaram "mais tarde" passo a (se me permitem) explicar: estamos todos a tentar "aquecer o sol". É que lá por aquelas bandas, o sol já aqueceu tanto que lhes esfarelou as "mioleiras" e se esqueceram de nós por isso estamos neste estardalhaço, certo?
Nós, nós e laços.

ps: tinha "sancionado" o meu regresso à indicação explícita deles mas agora estou à vossa inteira mercê. Gritem: borda fora! ou sim nós e laços, de sangue ou outros...
acredito nas regras básicas da democracia, a começar pela da maioria.

jorge pandeirada disse...

Não compreendo porque a maioria dos participantes se ocultam detrás do anonimato nos seus comentários. Se isto aqui é um espaço de comunicação , em principio estamos todos para nos divertir comentando de um modo saudável esta viagem do Carlos e do Jorge. Gostava de visitar os blogues daqueles que aqui comentam ou será que tem algo a esconder; eu não me envergonho dos meus blogues, valem o que valem, mas estão ao dispor de todos.
Vá lá, deixem-se de coisas e mostrem-se como são; anónimos?

Anónimo disse...

Acho que estamos a dar demasiada importancia a pessoas invejosas que so se preocupam em falar mal. Vamos mas é dar força ao carlos e ao jorge e nao alimentar frustrados.Deixem nos falar. Parabens pelo video meninos esta poderoso. Mil beijos.Gisela

Joana disse...

Ainda aqui estás Palmatória!!!!!
És teimosa à brava!

Anónimo disse...

Dá-lhe que ainda mexe!
Entrou e saíu com dignidade de fazer inveja. Inveja e não é pouca. Já agora onde é que a viste?
Até faz impressão!!!